Candidíase: como amenizá-la com tratamentos naturais

0

Trechos retirados do blog Quintal de Bruxa

Coceira na vagina, inchaço, corrimento, desconforto….que mulher nunca passou por estes probleminhas? As causas são inúmeras e apenas o ginecologista poderá fazer o diagnóstico correto. No entanto, muitas mulheres sofrem de uma doença chamada Candidíase. Ela é mais comum do que se imagina e pode causar estragos maiores do que nem se imagina.

A candidíase não é exclusiva do universo feminino, ela pode se manifestar em bebês e até em homens mas, é mais comum dar o ar da graça em nós mulheres. Já não bastasse tudo o que temos que aguentar ainda tem este pequeno organismo, na verdade uma levedura chamada Candida albicans para nos importunar de vez em quando.

Em sua forma aguda, a cândida causa basicamente: coceira no ânus e vagina, corrimento, sapinhos, frieiras, gases. Já em sua forma crônica, ela se torna mais perigosa pois já esta instalada no organismo e as toxinas produzidas podem causar  alergias, insônia, queda de cabelo, hipoglicemia, enxaquecas, dores abdominais, dores lombares e ciáticas, depressão, ansiedade entre outros sintomas.

Sim, tudo isso pode acontecer e você nem se quer imaginar que seja cândida. Sempre procuraremos uma outra causa mais palpável para os sintomas. O seu diagnóstico é difícil, pois nem sempre há o tal corrimento, que nós mulheres notamos como forma de que algo não esta bem. Ela vem na surdina, e vai fazendo um estrago enorme em todos os sistemas corporais. Desde azia a cólicas, passando por crises de cistite, unhas esbranquiçadas e quebradiças, rinites, distúrbios da tiroide, falta de concentração, artrites, fadiga, tpm,  e muito muito mais.

Candida albicans

candida_albSintomas femininos
– coceira e ardência na vagina e canal vaginal
– corrimento tipo nata de leite
– dor durante as relações
– inchaço dos pequenos e grandes lábios

Sintomas masculinos
– manchas vermelhas no pênis
– edema
– lesões pontuais
– coceira e ardência na glande

 

Banho de assento com vinagre de maçã e OE de Tea Tree
– 1 bacia
– 500 ml de água morna
– 1 colher (sopa) de vinagre de maçã
– 2 gotas de óleo essencial de Tea tree
Encher a bacia com água, pingar as gotas do óleo essencial no vinagre e despejar na água da bacia. Sentar e lavar a região genital deixando-a imersa na água por alguns minutos.
O vinagre de maçã tem propriedades antioxidantes, ajuda na eliminação de gorduras e também no controle de açúcares no sangue. Também aumenta o metabolismo e ajuda na eliminação das toxinas, é um bom antisséptico e antibiótico.

Alguns outros óleos essenciais que mostraram ser efetivos no combate ao fungo da cândida foram: eucalipto glóbulus, lemongrass, palmarosa e todos os que contem citral que é um aldeído com forte propriedade antisséptica.

Para maiores informações veja no  blog Quintal de Bruxa

Deixe uma resposta