Perfume de flores o ano todo – como cuidar do seu vaso de Lavanda!

0

Texto O Lavandário

O Lavandário oferece as mudas de Lavandula dentata e de Lavandula stoechas para você levar para casa e manter a beleza de suas flores por perto. São vasos com plantas ornamentais, resistentes e muito aromáticas.

No Brasil, as lavandas florescem o ano todo. A L. stoechas é mais apropriada para uso em gastronomia.

Você pode mantê-las nesses vasos ou transplantá-las para um vaso maior ou para o jardim.

Se for fazer um canteiro maior, use nossas mudas mais desenvolvidas e dê espaço para elas, pois podem crescer bastante.

Lavandas gostam de sol, solos calcários e terra bem drenada.

As mudas novas precisam ser regadas diariamente, mas cuidado, não deixe encharcar.

Depois, basta regar a cada dois dias ou até uma vez por semana em períodos com muita umidade no ar.

Utilize adubo orgânico e volte a adubar duas vezes por ano.

A lavanda precisa de poda para ficar mais bonita. Bem tratada, logo será um pequeno arbusto que responderá com seus benefícios por muito tempo.

  • Apare a folhagem no início da primavera. Use uma tesoura de poda e corte os ramos abaixo da terceira bifurcação, procurando dar o formato mais arredondado à planta. Essa poda vai ajudar para que a próxima florada seja exuberante.
  • Pode sempre as flores que estiverem secas. Quando podar, use as flores secas para perfumar ou temperar.
  • Para replantar sua lavanda, prepare um vaso com terra bem aerada e adubada; cubra com algum substrato para manter a umidade; faça uma cavidade para receber a planta. Retire a sua lavanda do vaso, com um pouco da terra e depois, coloque-a no vaso preparado.
  • Para fazer mudas, corte estacas das pontas dos ramos mais fortes, mas não os dos ramos lenhosos da base. Depois, tire as folhas da base e plante-as dando atenção à terra bem aerada e adubada.
  • Em canteiros, recomenda-se a mistura de calcário na terra na proporção de 150 g por muda. O calcário ajuda a elevar o Ph do solo, pois a lavanda se desenvolve melhor em terrenos com Ph entre 6 e 8. O calcário deve ser misturado uma semana antes de receber a planta. Pode-se acrescentar 50 g de fósforo por cova. Depois de plantada e já consolidada a muda pode receber um pouco de nitrogênio (50g) que ajudará na floração.

Nas primeiras semanas, deixe a maior parte do tempo na sombra e regue com frequência, mas nunca deixe o solo encharcado.

Deixe uma resposta